terça-feira, 5 de maio de 2009

Amigos de ontem, hoje e sempre


O Samuca não vem este ano! Não deu tempo, mas ele estará conosco ajudando no dia a dia. Seguem comentários do belíssimo espetáculo que ele e o Afonso estão em Uberlândia:


Coletivo Teatro da Margem, grupo formado por alunos e egressos do curso de Teatro, da Universidade Federal de Uberlândia, sob a direção de Narciso Telles, nos proporciona uma experiência gratificante com o espetáculo ‘Canoeiros da Alma’. O trabalho é o resultado de uma pesquisa sobre o universo dos moradores às margens do rio, no Vale do Jequitinhonha.O primeiro ponto favorável ao espetáculo é a concretização da difícil transposição da realidade ribeirinha para o palco, que ganha contornos oníricos, através de uma leitura muito particular do grupo e direção, sintetizando forma e conteúdo com rápidas inserções, como flashes a formar um painel denso, poético e afetuoso do e sobre o universo em questão.

Direção – Narciso TellesElenco – Adriana Moreira, Afonso Mansueto, Camila Tiago, Jhonatan Rios, Lucas Dilan, Marcela Prado, Nádia Yoshi, Priscilla Bello, Samuel Giacomelli, Alba Jacobina.

7 comentários:

  1. Manu - Rabugentos6 de maio de 2009 07:30

    Amigos, o que seríamos sem eles...
    Eu realmente fico muito feliz pelo Afonso e pelo Samuel. Parabéns meninos! Sucesso!

    ResponderExcluir
  2. Ahhh que homenagem bonita! rs
    Fiquei feliz! É sempre bom receber o carinho de quem a gente gosta e admira!
    Muita merda e luz sempre seus queridos!

    ResponderExcluir
  3. eita nóis óia meus amiguinhos aí voandocm a arte pelo brasil a fora!!!!!!!

    ResponderExcluir
  4. quem postou?... que palavras bonitas...

    ResponderExcluir
  5. Marcela de Souza9 de maio de 2009 21:31

    Samuel....muita merda pra vc tbem!!!
    bjooss

    ResponderExcluir
  6. Um pena não ver o Samuca no palco este ano...Sertãozinho merece você!!

    ResponderExcluir
  7. Obrigado galéra!
    Valeu mesmo...
    Abração pra todos.
    Só tenho uma pegunta, quem é o barbudo da foto?
    HaHaHa
    ...
    Bom, amigos ontem, hoje e sempre.
    Até breve.

    Afonso Mansueto

    ResponderExcluir